17/12/2013

Top 10 - As Melhores Músicas de 2013

Com Get lucky encabeçando a lista, eis aqui uma radiografia do que foi o groove em 2013. Criativo e com dois pés na velha escola.
Quando "Get Lucky" foi lancada parecia que ela ia reinar sozinha e absoluta no universo dos hits. Mas não foi bem isso que aconteceu. Robin Thicke e a sua polêmica "Blurred Lines"disputou a tapas o título de música do ano no Itunes. Além disso tivemos a volta de Justin Timberlake que decidiu de vez encaranar seu ídolo e sua referência Michael Jackson nas notas de suas músicas. Ainda tivemos o furação Janelle Monáe que lançou seu segundo álbum com pérolas como "Eletric Lady". Fora as maravilhas de Ledisi, Mario Biondi, The Brand New Heavies, AlunaGeorge e Maylee Todd. Conheça agora os 10 Melhores Singles de 2013:


1) Daft Punk - Get Lucky

 
 
 
 


É realmente incrível que um dos duos mais eletrônicos, robotizados e futuristas dos últimos tempos tenha percebido que a Dance Music de hoje em dia está sem alma.  Que os recursos eletrônicos na verdade se tornaram uma espécie de preguiça mental, sem coração pulsando nos teclados. Ao se render a um ícone como Nile Rodgers e a música Disco, o duo deu um passo pra trás e infinitos passos para frente. "Get Lucky" carrega a marca de Hit do Ano, e tem além de Nile Rodgers e sua guitarra, um vocal incrível de Pharrell Williams no melhor estilo Michael Jackson. Realmente é um musicão e a versão do álbum de 6 minutos é puro deleite. Música que nasceu pra ser feliz.

Veja o video: http://t.co/OziREwx8CM

2) Justin Timberlake - Suit & Tie

 
 
 
 


Nunca fui fã de Justin Timberlake. Admirava seu talento e sua perserverança. Não é todo dia que um cara sai do Clube do Mickey e de uma Boys Band e se torna um ícone pop. E se no começo de sua carreira sua identificação com Michael Jackson era notória através dos passos de dança e de algumas músicas, em 2013 essa influência se tornou algo muito forte e bom. "Suit & Tie" é daquelas músicas que o Rei do Pop gravaria sem a menor sombra de dúvida, tamanha sua qualidade e seu groove hipnótico. Depois de 7 anos sem gravar, "Suit & Tie" foi um cartão de visitas e tanto  para que Justin Timberlake assuma o trono vago. Tem muita gente que torce o nariz para a participação de Jay Z, mas eu acho sinceramente que ela valoriza cada pedaço da música que vem antes e depois.

Veja o video: http://t.co/AfqxdkRbGz


3) Janelle Monáe - Eletric Lady

 
 
 
 

A música "Eletric Lady" é o que podemos chamar de uma música bem nascida. É faixa título do segundo e super inspirado álbum da estrela negra emergente Janelle Monáe. Tem a participação magistral de Solange, a irmã talentosa e descolada de Beyoncé. E a música é um R&B apurado com uma melodia bem construída e perfomances cirúrgicas das duas estrelas negras. E isso, diga-se de passagem, é quase que uma ilha na cena atual da música negra americana.Talento por si só não expressa o tremendo fascínio que Janelle Monáe exerce, por mais que ela tenha uma abundância dele. Nem seu carisma, sua personalidade, seu visual agradável ou seu ecletísmo. Janelle Monáe entende muito de música e conhece profundamente suas raízes. Aí está o segredo.

Veja o video:
http://t.co/e4lk4btYRc

4) Ledisi - I Blame You

 
 
 
 


Ledisi
nasceu na cena underground da Soul Music e fazia verdadeiras maravilhas nesta época. Não tinha fama e nem fortuna, mas carregava uma reputação como uma das melhores Soul Singers de sua geração. Até que num belo dia ela figurou na disputada lista da Bilboard de cantoras que precisavam ser vistas e
entrou para a grande indústria com o álbum Lost & Found e até foi indicada ao Grammy. Tudo muito bom mas com uma ressalva. Nunca mais ouvimos a Ledisi que aprendemos a amar, apesar de lampejos muito bons. Até que neste ano de 2013 ela lançou o single "I Blame You" que de certa forma resgatou aquela cantora que ganhava todos os pequenos concursos no início de carreira. Uma música linda, com batida clássica, com Ledisi em plena forma e que fez todo mundo suspirar por ela novamente, Inclusive eu.

Veja o video: http://t.co/kJobYSZix8

5) Maylee Todd - Baby's Got It

 
 
 
 

"Baby's Got It"
é antes de mais nada um single incrível e definitivo que arranca suspiros profundos de quem ama Boogie e música Disco. O que era apenas uma sensação de coisa boa quando a
cantora canadense Maylee Todd lançou o single "Hieroglyphics", se confirmaria de uma forma categórica e latente com "Baby's Got It". Uma música simplesmente adorável com elementos modernos mas com vistas para o Globo Espelhado. E ao mesmo tempo uma música sensual, com uma batida marcante e vocal na medida certa. Foi sem dúvida a maior surpresa em termos de novos talentos deste ano.

Veja o video: http://t.co/Qaq7ZzZoz7

6) Robin Thicke - Blurred Lines

 
 
 
 


Balanço delicioso feito todo em cima da batida eterna e eletrizante de "Got To Give It Up" de Marvin Gaye e dos gritinhos de Michael Jackson, e que ainda tem de quebra a produção e partcipação do inspiradíssimo Pharrel Williams. Esta é a melhor definição do single "Blurred Lines"de Robin Thicke. Mas ainda é pouco para o barulhoq ue esta meusica fez neste ano. Foi durante meses o hit número 1 em vendas no Itunes e seu video nada ortodoxo já chegou a mais de 230 milhões de views. Precisa ter peito par fazer um video daqueles e Robin Thicke teve muitos e belos. Tanto que causou toda uma polêmica sexista e foi censurado em vários países graças ao seu conteúdo digamos recheado.Numa entrevista recente Robin Thicke disse que se seus vídeos são sexistas , deveriam censurar também muitas pinturas que estão no Louvre. Mas independentemente disso, a música é um tesão.

Veja o video: http://t.co/vUwG1uA6gB


7)
Justin Timberlake - Take Back The Night

 
 
 
 

Desde a morte do Rei do Pop, abriu uma vaga no trono de ícone pop masculino. Enquanto Madonna, Lady Gaga, Katy Perry brigam do lado de lá, do lado de cá persiste um silêncio total desde que Michael Jackson fechou os olhos. Como eu disse antes, Justin Timberlake está embuído
em assumir tal posto. Tanto que neste ano de 2013 ele se deu ao luxo de lançar dois álbuns "20/20 Experience e "20/20 Experience 2". E depois da bela "Suit & Tie", o cara surpreendeu com single "Take Back The Night". Um balanço sensacional com direito a sessão de metais realmente matadora e que mostra não só um astro talentoso, mas maduro o suficiente pra fazer música boa. E "Take Back The Night" é isso.

Veja o video: http://t.co/y8XQe3Qtci


8) AlunaGeorge - You Know You Like It

 
 
 
 

AlunaGeorge
é um duo inglês de música eletrônica formado pela sensualíssima Aluna Francis que além de vocalista, é a compositora, e George Reid que é o músico da história e o produtor. Pois bem eles fazem uma mistura de batida pesadona eletrônica misturada com elementos de meusica negra da melhor espécie.. Tudo parece eltrônico demais, mas quando você se dá conta já está totalmente entregue e derretido pelo groove dos dois. É isso que acontece no single "You Know You Like It" que nos primeiros acordes parece que não vai chegar a lugar nenhum, mas vai te consumindo por dentro com o passar do tempo e seduzindo seus ouvidos e corpo. Simplesmente sensacional.

Veja o video: http://t.co/xDdfU9qOfP


9) The Brand New Heavies - Sunlight

 
 
 
 


Sabe qual é a melhor parte do single "Sunlight"? É que ao ouví-lo a gente lembra instantaneamente porque gosta tanto do The Brand New Heavies.  É impressionante que uma banda que já está com seus 28 anos de estrada consiga ainda produzir um som com a mesma competência e vivacidade como fazia lá no início, quando ajudou a colocar de pé todo movimento do Acid Jazz. A gente percebe que por mais que não haja tanta novidade, a aura é a mesma.
Deixando um pouco de lado o fato de eu ser fã confesso da banda,  "Sunlight" é um groove nascido de maneira orgianica. Ele aposta que aquele bate estaca eletrônico está com os dias contados numa pista de dança. "Sunlight"se dá ao luxo de não ser sóa melhor música do álbum "Foward", mas de ser uma das melhores da história da banda. Os arranjos de metais, cordas e a pegada disco são coisas de outro mundo. E temos aqui uma N'Dea Davemport soberana nos vocais.

Veja o video: http://t.co/ncNc7luxjC


10) Mario Biondi - Shine On

 
 
 
 


O Barry White da Velha Bota está cada dia melhor. Cantando como nunca e com um bom gosto fora do comum. E depois de se juntar a um gênio do groove como Jean Paul "Bluey" Maunick, o bicho pegou de verdade. E uma prova disso é o belíssimo single "Shine On" que foi o abre-alas do álbum "Sun" de Mario Biondi. Além da produção impecável do líder do Incognito, "Shine On" foi composta por Jan Kincaid do The Brand New Heavies. Ou seja, temos dois gênios do Acid Jazz e uma voz do estilão travesseiro de Barry White. Uma combinação bombástica e simplesmente fascinante. Música que é uma das melhores de 2013, mas que dá pra ouvir a vida toda.

Veja o video: http://t.co/2QzeecJKap


Sérgio Scarpelli