13/12/2012

Salve a Rainha!

Com mais de 130 milhões de álbuns vendidos e o título de Rainha da Disco, Donna Summer representa o que houve de melhor em toda uma era!

 
 
 

Nascia em 31 de dezembro de 1948 na cidade de Boston uma princesinha negra chamada LaDonna Adrian Gaines. Vinte poucos anos depois esta princesa era mais conhecida como Donna Summer e assumiria o posto eterno de Rainha das pistas de dança.

Donna Summer foi uma grande descoberta do produtor Giorgio Moroder. Em 1975 ela gravou a música "Love to love you baby" que estourou nas paradas. Era uma música diferente, pra lá de sensual, com vocais que sugeriam até o orgasmo. Os dois inovaram o estilo.

Era o princípio do movimento Disco. A partir daí foi um hit atrás do outro. Por exemplo, duas músicas originalmente românticas e sem sal ganharam regravações antológicas de Donna e se tornaram muito mais sucesso que as originais. São elas "Could it be magic" e "McArthur Park".

 
 
 
 

É também atribuído a rainha, a lenda invenção do single 12 polegadas com a música eletrônica "I feel love". Dizem que Moroder inventou o formato pois a música não cabia nem num compacto duplo. Se bem que há controvérsias se foi essa mesmo a primeira gravação 12 polegadas.

Mas o que importa? A música é demais e mesmo 30 anos depois não enveleheceu nada. Outros sucessos antológicos foram "Remember Yesterday", "Heaven Knows", "I love you", "Hot Stuff", "Bad Girls", "On The radio" e "No More Tears" num dueto impagável com Barbra Streisand.

Em 1979, ela ganhou um Oscar com a música "Last Dance" que fazia parte do divertido besteirol "Thank God It's Friday" que abordava a rotina das Discos. Sendo uma hitmaker incontestável, Donna Summer teve 14 músicas no Top Ten. Faturou 5 Grammys

 
   
 
Ela foi a primeira mulher a colocar 3 músicas no primeiro lugar em um ano só. Vendeu mais de 130 milhões de álbuns e ganhou 24 certificados de platina. Todo mundo imaginava que ela iria sumir com o fim da Disco. Mas Donna Summer brilhava mais que nunca.

Depois de fazer alguns álbuns mais pops, ela emplacou nas pistas mais uma vez em 1989, Another Place and Time album. O primeiro single deste disco, "This Time I Know It's for Real", tornou-se um grande hit na Europa e Estados Unidos.

Summer
foi um caso raro na cena Disco, pois sua carreira iniciou-se antes da "explosão" do estilo, e continuou após o final do movimento. Seu trabalho ainda é aplaudido pela crítica e ela permanece como uma das poucas artistas da "Era Disco" ainda aceitas pela crítica atual. 

 
 
 
 

Nos anos 90 Donna Summer começou a sumir. Teve aparições esporádicas e poucos sucessos como "Melody Of Love" e uma versão de "Con Te Partirò", de Andrea Bocelli, chamada "I Will Go With You". Donna Summer ainda tentaria voltar a cena em 2008 com o fraco álbum Crayons.

Infelizmente foi mais uma das vítimas do câncer e faleceu no dia 17/05/2012. A Rainha vai embora e deixa aqui seu trono vago pois nenhuma outra será igual a ela! Donna Summer foi a Dona das pistas e jogou a chave fora! Deus Salve a Rainha!

Discografia Álbuns

1975 - Love to Love You Baby
1976 - Love Trilogy
1976 - Four Seasons of Love
1977 - I Remember Yesterday
1977 - Once Upon a Time
1978 - Live and More
1979 - Bad Girls
1980 - The Wanderer
1982 - Donna Summer
1983 - She Works Hard for the Money
1984 - Cats Without Claws
1987 - All Systems Go
1989 - Another Place and Time
1991 - Mistaken Identity
2008 - Crayons

 
 
 
 

Sérgio Scarpelli