10/11/2008

Seal – Soul

Finalmente o cantor Seal se entrega a Soul Music.

 
 
 
 
Nem bem um ano se passou do lançamento do dançante, irregular e chato "System", o cantor inglês Seal volta a gravar um álbum. E para minha supresa e meu deleite, ele vem cantando soul music. Sempre achei um desperdício aquele vozeirão se restringir apenas a pop e dance music. Por mais que Seal sempre produzisse músicas de extrema qualidade e sensibilidade, nunca esteve voltado para a black music.

Mas antes tarde do que mais tarde. Agora capitaneado pelo produtor David Foster, Seal nos premia com 12 covers sensacionais que fizeram a história da Soul Music. O cardápio varia desde Sam Cooke, Curtis Mayfield, James Brown até Al Green. E o resultado é fantástico.

Seal tem timbre para a vertente. Ele é um cantor espetacular. E sua voz imprime modernidade para velhas canções. Em "It's A Man's Man's Man's World", eternizada por James Brown, Seal não vai na mesma toada do mestre. E mesmo assim consegue homenageá-lo de uma forma contundente. Acontece a mesma coisa em "If You Don't Know Me By Now" de Harold Melvin & The Blue Notes, em "Stand by me" de Ben E. King e em "A Change Is Gonna Come" de Sam Cooke.

Mesmo sendo meio um álbum tributo, já é uma boa amostra para Seal se entregar de vez a Soul Music. Será um reforço e tanto.

Sérgio Scarpelli

27/10/2008 17:32:04