02/08/2011

Reis do Groove

Além de ser uma das bandas que mais faz turnês pelo mundo, o Down To The Bone continua em plena forma lancando grandes álbuns.
 
 
 
 

Se teve uma banda que não precisou ficar preocupada com a crise que se instalou no mercado fonográfico foi a banda inglesa Down To The Bone. Afinal é hoje uma das bandas que mais faz turnês pelo mundo, mesmo figurando numa cena não tão popular como o Jazz Funk.

Mas o seu líder Stweart Wade é um músico tão inspirado que o Down To The Bone não para de lançar ótimos álbuns, sempre com aquele groove inconfundível e orgânico. Agora é a vez de "Main Ingredients" lançado na semana passada pela Dome Records.

Analisando o álbum no geral é quase todo mais do mesmo. E isso está longe de ser negativo. O Down To The Bone tem um som apuradíssimo, com arranjos instrumentais belíssimos, poucos vocais  e melodias bem contruídas. E este novo álbum não foge a regra, ainda bem.

A novidade aqui fica até por um certo ar retrô quando o Down To The Bone resgata o Acid Jazz. Principalmente na faixa "Closer" que tem os vocais de Imaani, uma das cantoras sempre escaladas para os shows e álbuns da banda Incognito.

Outro bom momento de Acid Jazz é na faixa "Watch Me Fly" que também tem os vocais de Imaani e a presença do baixista Julian Crampton. Apesar da cantora ser do Incognito o som do Down To The Bone aqui nos remete mais ao The Brand New Heavies.

O restante do álbum são na maioria  Funk Grooves instrumentais da melhor espécie. Com uma quebradeira de fazer o queixo cair muitas vezes. Faixas como " A Universal Vibe", "Uptown Hustle", "Cut And Run", "South Side Overdrive" e "Together We Stand".

Altamente recomendado!

Sérgio Scarpelli